Bovespa fecha em alta de 0,66% após dia volátil com Petrobras

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016 19:29 BRST
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou em alta nesta quinta-feira, pelo segundo dia seguido, após sessão volátil, guiada principalmente pelo movimento dos preços do petróleo e seu efeito nas ações da Petrobras.

Balanços de empresas brasileiras também estiveram no radar dos investidores, assim como a ata da última reunião de política monetária do Banco Central e a reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, mais especificamente o aguardado anúncio de um pacote de crédito para estimular a economia.

O Ibovespa subiu 0,66 por cento, a 38.630 pontos. Na máxima, subiu quase 2 por cento, superando 39 mil pontos. Na mínima, caiu quase 1 por cento, abaixo dos 38 mil pontos.

O volume financeiro seguiu fraco, totalizando 5,3 bilhões de reais. O montante está na média do mês, de 5 bilhões de reais, mas abaixo do giro médio de 2015, de 7,3 bilhões de reais.

O contratos futuros do petróleo chegaram a subir cerca de 8 por cento nas máximas do dia, após o ministro de Energia da Rússia afirmar que a Arábia Saudita propôs corte de até 5 por cento na produção da commodity.

As cotações, porém, desaceleraram os ganhos, após notícias de que delegados da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) não haviam ouvido falar sobre qualquer plano de negociação nem que a Arábia Saudita havia proposto cortes.

A alta de Wall Street também ajudou a sustentar a Bovespa.

  Continuação...