Indústria da China recua no ritmo mais rápido desde 2012, mostra PMI oficial

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016 09:46 BRST
 

Por Nathaniel Taplin

XANGAI (Reuters) - A atividade industrial da China contraiu no ritmo mais rápido em quase três anos e meio em janeiro, mostrou a pesquisa oficial Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês), sugerindo que a segunda maior economia do mundo começou 2016 com fraqueza.

O PMI oficial caiu a 49,4 em janeiro ante 49,7 no mês anterior e abaixo da marca de 50 que separa crescimento de contração. É a leitura mais baixa desde agosto de 2012 e ficou abaixo da expectativa de 49,6 em pesquisa da Reuters.

Esse é o sexto mês consecutivo de contração da atividade industrial.

O PMI da indústria do Markit/Caixin também mostrou que a atividade está se deteriorando, embora a um ritmo mais lento que em dezembro. O índice foi a 48,4, acima da expectativa de 48,0 e da leitura de dezembro de 48,2.

A pesquisa do Markit se foca mais em empresas de pequeno e médio porte enquanto a oficial olha mais para empresas estatais maiores.

Já o PMI oficial de serviços caiu para 53,5 ante 54,4 em dezembro, mostrando ligeira desaceleração no crescimento da atividade de serviços.

 
Bandeira nacional chinesa vista em Pequim.   26/01/2016     REUTERS/Kim Kyung-Hoon