Usinas da Índia esperam fechar novos contratos para exportar 1 mi t de açúcar

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016 11:41 BRST
 

DUBAI (Reuters) - Usinas indianas de açúcar já contrataram a venda de 1 milhão de toneladas do produto para a temporada 2015/16 e esperam assinar acordo para outro 1 milhão, com exportações destinadas à China, disse nesta segunda-feira o presidente de uma associação do setor.

"Um milhão de toneladas foram contratadas e mais um milhão de toneladas serão contratadas", disse o presidente da Associação Indiana das Usinas de Açúcar, Tarun Sawhney, em uma conferência em Dubai.

Do total de 1 milhão de toneladas contratadas, cerca de 700 mil toneladas já saíram do país.

Sawhney disse que muitos dos atuais e futuros contratos foram com Mianmar, de onde o açúcar deve sair por contrabando para a China, maior importador global.

"O açúcar irá para a China", afirmou. "Os contratos são todos por Mianmar e de lá o açúcar é levado para a fronteira norte do país."

O contrabando de produtos agrícolas na fronteira da China com Vietnã e Mianmar é um problema antigo.

A indústria de açúcar da China já pediu que o governo de Pequim enfrente o ressurgimento do contrabando na região, onde estima-se que grandes volumes de açúcar barato cruzaram a fronteira ilegalmente nos últimos meses.

Sawhney disse que a produção de açúcar da Índia deverá alcançar 26 milhões de toneladas na temporada 2015/16, que vai de outubro a setembro, e que provavelmente o mesmo volume deverá ser registrado em 2016/17.

A Índia produziu 28,3 milhões de toneladas em 2014/15.   Continuação...