Vendas de automóveis nos EUA em janeiro são melhores que o esperado

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016 19:43 BRST
 

DETROIT, Estados Unidos (Reuters) - As vendas de automóveis nos Estados Unidos tiveram resultado melhor que o esperado, com a indústria continuando a se beneficiar dos preços baixos da gasolina, crédito fácil e crescimento econômico moderado, disseram grandes montadoras nesta terça-feira.

As vendas tiveram queda de 0,3 por cento, com 1,15 milhão de veículos comercializados, disse a Autodata Corp. O desempenho ficou melhor que o declínio entre 0,5 e 5 por cento previsto por analistas pesquisados pela Reuters.

As vendas de automóveis em janeiro corresponderam a um ritmo anualizado de 17,58 milhões de unidades, disse a Autodata. A WardsAuto, que o governo norte-americano utilizada para análises econômicas, disse que o ritmo anualizado foi de 17,46 milhões e que as vendas mensais caíram 0,4 por cento, ante um ano atrás.

As mesmas tendências que impulsionaram as vendas em 2015 ajudaram a amenizar os desafios de dois dias de vendas a menos e uma grande tempestade de neve na Costa Leste do país.

A General Motors, a maior vendedora do mercado norte-americano, disse que as vendas tiveram alta de 0,5 por cento, enquanto aumentou sua participação no mercado de varejo, que não inclui vendas de frotas para agências de aluguel.

As vendas da Ford caíram 2,6 por cento, enquanto as da Toyota, a terceira maior montadora do mercado norte-americano, tiveram queda de 4,7 por cento.