Governo federal reserva R$590 mi para indenizar Cesp por hidrelétricas devolvidas

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016 11:34 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Ministério de Minas e Energia colocou em sua previsão de gastos deste ano o pagamento de 590,1 milhões de reais em indenizações à estatal paulista Cesp, referentes a investimentos que a empresa fez nas hidrelétricas Três Irmãos e Ilha Solteira e que ainda não haviam sido amortizados quando do fim da concessão das usinas, que foram relicitadas.

Segundo documento divulgado nesta quarta-feira pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) sobre o orçamento do fundo CDE, responsável por esses pagamentos, serão 589,7 milhões de reais referentes a Três Irmãos e 528,4 mil reais de Ilha Solteira.

Está programado também o pagamento de 12,8 milhões de reais em indenizações a Furnas, da Eletrobras, antiga concessionária das hidrelétricas Coronel Domiciano e Ervália; e de 7,3 milhões de reais à Santa Cruz Geração, que operava a usina Paranapanema.

Não foi informada a data do pagamento.

O Ministério de Minas e Energia também prevê destinar 295,5 milhões de reais para o pagamento de indenizações em 2016 a empresas de transmissão de energia, também devido a investimentos ainda não amortizados em linhas cujas concessões foram renovadas em 2012.

(Por Luciano Costa)