Bovespa recua 0,56% acompanhando exterior, mas fecha semana no azul

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016 19:21 BRST
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa fechou em queda nesta sexta-feira, pressionado pela queda em Wall Street após dados do mercado de trabalho norte-americano, mas a forte alta dos dois últimos pregões garantiu desempenho semanal levemente positivo.

A última sessão antes do Carnaval também foi pressionada pelos resultados de Lojas Renner e TIM Participações, que mostraram dados fracos do lado das receitas no último trimestre de 2015.

O Ibovespa caiu 0,56 por cento, a 40.592 pontos.

O volume financeiro somou 4,97 bilhões de reais.

Na semana, o índice de referência do mercado acionário doméstico acumulou ganho de 0,46 por cento. No ano, contudo, ainda acumula declínio de mais de 6 por cento.

Nos Estados Unidos, o Departamento de Trabalho divulgou a criação de 151 mil vagas fora do setor agrícola em janeiro, abaixo do esperado, mas os salários subiram e a taxa de desemprego caiu a 4,9 por cento.

No mercado acionário, prevaleceu a visão de resiliência do mercado de trabalho norte-americano, que corrobora perspectivas de novas altas de juros pelo Federal Reserve, o banco central dos EUA. A equipe do BNP Paribas disse que os detalhes do relatório de emprego foram positivos.

Wall Street, o S&P 500 fechou em queda de quase 2 por cento, enquanto o Nasdaq recuou mais de 3 por cento, pressionado pelo forte declínio em tecnologia após previsões de companhias do setor durante a semana.   Continuação...