Especuladores não devem dominar sentimento do mercado, diz presidente do BC chinês

sábado, 13 de fevereiro de 2016 16:17 BRST
 

PEQUIM (Reuters) - Os especuladores não devem dominar o sentimento do mercado sobre as reservas internacionais da China, e é normal que elas caiam e subam, afirmou o presidente do banco central do país, Zhou Xiaochuan, neste sábado.

As reservas internacionais da China caíram pelo terceiro mês consecutivo em janeiro, com o banco central despejando dólares para defender o iuan e evitar aumento das saídas de capital.

Em entrevista para a revista financeira chinesa Caixin, Zhou disse que a reforma cambial do iuan ajudaria o mercado a ser mais flexível ao lidar com forças especulativas.

Havia ainda necessidade de distinguir as saídas de capital de fuga de capital e controles de capital apertados não seriam eficaz para a China, disse ele.

Os comentários foram feitos depois de a China registrar crescimento econômico de 6,9 ​​por cento em 2015, o mais fraco em 25 anos. Uma série de indicadores tem enviado sinais contraditórios aos mercados no início de 2016 sobre a saúde da economia da China.