BCE está pronto para agir em março, diz Draghi

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016 12:29 BRST
 

FRANKFURT (Reuters) - O Banco Central Europeu (BCE) está pronto para afrouxar a política monetária em março se a turbulência no mercado financeiro ou o efeito de contágio dos preços baixos de energia reduzirem as expectativas de inflação, disse nesta segunda-feira o presidente da autoridade monetária, Mario Draghi.

"Primeiro, nós vamos examinar a força do 'pass-through' de inflação baixa importada ao salário doméstico e à formação de preço e às expectativas de inflação", disse Draghi ao Comitê de Assuntos Econômicos e Monetários do Parlamento Europeu.

"Em segundo lugar, sob a recente turbulência financeira, nós vamos analisar o estado da transmissão de nossos impulsos monetários pelo sistema financeiro e, em particular, pelos bancos", disse.

"Se um dos dois fatores implicar em riscos para a estabilidade de preços, nós não hesitaremos em agir".

Na última reunião de política monetária do BCE, Draghi levantou a possibilidade de mais afrouxamento monetário em março, conforme as expectativas de inflação afundam em meio a queda nos preços de energia, aumentando os riscos de que a inflação baixa se torne persistente e que o BCE perca sua credibilidade.

O membro do Conselho Executivo do BCE Benoit Coeuré, um dos principais aliados de Draghi, também advertiu no fim de semana que a recente turbulência no mercado financeiro pode adiar o retorno da inflação à meta do BCE e quase 2 por cento, mais uma sinalização de que o BCE pode precisar agir na próxima reunião.

(Por Balazs Koranyi)