Sembcorp Marine divulga primeiro prejuízo trimestral e alerta para longa recessão

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016 20:11 BRST
 

CINGAPURA (Reuters) - A construtora de sondas de exploração de petróleo de Cingapura Sembcorp Marine divulgou seu primeiro prejuízo trimestral, atingida por depreciações e atrasos de projetos de seus consumidores essenciais, ressaltando a tensão causada pela queda dos preços do petróleo.

A companhia também alertou que espera que a tendência de queda dure mais que os ciclos anteriores, com a indústria de construção de sondas de Cingapura, avaliada em 10 bilhões de dólares, enfrentando cancelamentos e uma escassez de novos pedidos.

Para o quarto trimestre, a Sembcorp divulgou um prejuízo atribuível 535,2 milhões de dólares de Cingapura (383 milhões de dólares), excluindo itens não operacionais, ante um lucro de 174 milhões de dólares de Cingapura para o mesmo período do ano anterior.

A empresa disse que o lucro líquido do quarto trimestre teria sido 99 milhões de dólares de Cingapura antes de impairment, provisões e prejuízos de associados e joint ventures.

A Sembcorp Marine, que compete com a Keppel, também de Cingapura, na construção de sondas autoeleváveis, estruturas que se ajustam para cima ou para baixo dependendo da oscilação das marés, fizeram uma provisão de 278 milhões de dólares de Cingapura no quarto trimestre para prejuízos previsíveis em contratos em andamento.

A maioria dos pedidos de ambas Sembcorp Marine e Keppel são da Sete Brasil, uma afiliada endividada da Petrobras. A Sete Brasil não pagou nenhuma das empresas desde o fim de 2014.

(Por Rujun Shen e Aradhana Aravindan)