Índice europeu de ações cai após decepção com acordo sobre produção de petróleo

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016 16:07 BRST
 

Por Danilo Masoni e Sudip Kar-Gupta

MILÃO/LONDRES (Reuters) - O principal índice de ações europeias caiu nesta terça-feira após duas sessões de fortes ganhos, com a decepção em relação a um acordo para tratar do excesso de oferta global de petróleo pesando no humor.

O índice FTSEurofirst 300 fechou em baixa de 0,43 por cento, aos 1.262 pontos, revertendo ganhos iniciais e após a alta de 6 por cento acumulada nas duas sessões anteriores.

Rússia e Arábia Saudita concordaram em congelar os níveis de produção, mas informaram que o acordo dependia da adesão de outros produtores --um grande ponto de discórdia, com o Irã ausente das conversas e determinado a aumentar a produção.

"O acordo precisa do aceno de outros países da Opep e de não membros, o que parece improvável", disse a estrategista-chefe para Europa da Market Securities, Stephane Ekolo. "Portanto, agentes do mercado voltaram a ser cautelosos e o sentimento de aversão a risco voltou".

As ações de petroleiras saíram das máximas vistas mais cedo, mas muitas ainda conseguiram fechar em território positivo. A BP e a Total subiram 1,3 por cento e 0,4 por cento, respectivamente, enquanto a Eni caiu 0,75 por cento.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,65 por cento, a 5.862 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,78 por cento, a 9.135 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,11 por cento, a 4.110 pontos.   Continuação...