AES nega venda de ativos no Brasil; foca geração e recuperação de distribuidoras

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016 15:45 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A AES Brasil, braço do grupo norte-americano AES no Brasil, afirmou em nota que seus ativos no país "não estão à venda", após a Folha de S.Paulo publicar reportagem segundo a qual a troca no comando da holding anunciado nesta quarta-feira seria um passo para a empresa se desfazer dos negócios locais de distribuição e eventualmente em geração.

Segundo a nota da AES Brasil, "o objetivo é crescer em geração, aprimorar a qualidade do serviço e recuperar o valor das distribuidoras".

A empresa controla a geradora de energia AES Tietê, com 2,6 gigawatts em hidrelétricas, e a termelétrica Uruguaiana, além das distribuidoras de energia Eletropaulo e AES Sul, que atendem respectivamente São Paulo e Rio Grande do Sul.

As ações da Eletropaulo chegaram a subir quase 30 por cento, mas reduziram ganhos posteriormente. Às 15:44, subiam 16,60 por cento.

(Por Luciano Costa)