Ajuste contábil leva BM&FBovespa a prejuízo no 4º tri

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016 19:08 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A BM&FBovespa fechou o quarto trimestre de 2015 com um prejuízo líquido de 407,5 milhões de reais, resultado afetado por um ajuste contábil sem efeito caixa de quase 2 bilhões de reais.

No período, a companhia fez um ajuste contábil de valor recuperável de ativos de 1,7 bilhão de reais (1,1 bilhão, líquido de imposto) referente a ágio fundamentado em expectativa de rentabilidade futura gerado na aquisição da Bovespa Holding em 2008.

Em termos recorrentes, a companhia teve lucro de 534,1 milhões de reais no quarto trimestre ante 373,2 milhões nos três últimos meses de 2014.

(Por Aluísio Alves)

 
Martelo é fotografado na  BM&F Bovespa em São Paulo. 17 de julho de 2015. . REUTERS/Nacho Doce