Secretário-geral da Opep diz que mais ações podem seguir congelamento de produção

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016 19:02 BRT
 

(Reuters) - Os maiores produtores de petróleo do mundo podem considerar "outros passos" para eliminar o persistente excesso de oferta nos mercados globais, se um acordo para congelar a produção em níveis atuais se mantiver firme por vários meses, disse a maior autoridade da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) nesta segunda-feira.

Badri reiterou que há prontidão de produtores de dentro e fora da Opep para trabalharem juntos para eliminar o excesso global que derrubou os preços para as mínimas em uma década, dizendo que o acordo para congelar a produção selado na semana passada entre Arábia Saudita, Rússia e outros produtores era só uma começo.

"O primeiro passo é congelar a produção. Talvez se isto obtiver sucesso podemos adotar outros passos no futuro."

Badri disse que o grupo gostaria de esperar três ou quatro meses para ver se o acordo estava se mantendo.

(Por equipe da CERAWeek)