Exportação de carne de frango do Brasil sobe 6% em fevereiro para 320,3 mil t

quarta-feira, 2 de março de 2016 19:21 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - As exportações totais de carne de frango do Brasil, incluindo produtos salgados, processados e embutidos, somaram 320,3 mil toneladas em fevereiro, volume 6 por cento superior aos embarques do mesmo período do ano anterior, informou a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) nesta quarta-feira.

"O cenário segue aquecido para os exportadores e agora temos outros fatores influenciando este resultado em relação ao ano passado, como novas plantas para o México e China e o recente início de embarques para a Mongólia, disse em nota o vice-presidente de aves da ABPA, Ricardo Santin.

O Brasil é o maior exportador global de carne de frango, contando com players como BRF e JBS.

"As vendas para os países da Ásia e Oriente Médio, em geral, apresentaram bom desempenho", acrescentou Santin.

Somando todo o embarque de 2016 (janeiro e fevereiro), as exportações brasileiras de carne de frango mantiveram alta de 9,9 por cento, com embarques de 637,1 mil toneladas, segundo a ABPA.

Com isto, o setor obteve receita cambial de 909,7 milhões de dólares (-10,2 por cento), e em reais de 3,6 bilhões (+32,2 por cento).

"O saldo positivo acumulado no ano tem ajudado a diminuir os fortes efeitos das altas dos custos de produção. Este ‘respiro’ deve contribuir para o setor enfrentar com solidez o momento atual, ajustando a oferta interna de produtos e colaborando... com as elevações dos preços dos produtos", disse o presidente-executivo da ABPA, Francisco Turra.

"Esta alta já é notável com o leve crescimento de 0,56 por cento no preço médio das exportações de fevereiro, em comparação com janeiro."

(Por Roberto Samora)