Província chinesa de Hebei vai fechar 60% de suas usinas siderúrgicas até 2020

terça-feira, 8 de março de 2016 11:36 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A província chinesa de Hebei pretende fechar 60 por cento de suas usinas siderúrgicas até 2020, afirmou o governador da principal região produtora de aço da China nesta terça-feira, como parte dos esforços do país para reduzir O excesso de capacidade.

A província também vai manter a capacidade produtiva em 200 milhões de toneladas até 2020, afirmou o governador Zhang Qingwei a jornalistas.

"Dado o excesso de capacidade atual, não vamos permitir qualquer novo projeto em setores que estejam sofrendo com capacidade excessiva", afirmou um representante da província. "Dada a atual poluição do meio-ambiente, não vamos permitir qualquer projeto de alto consumo de energia e que seja altamente poluente."

Hebei, que cerca a capital chinesa de Pequim, produz quase um quarto do aço da China, mas agora está enfrentando uma campanha para reduzir capacidade industrial.

A China se comprometeu em fevereiro a reduzir sua capacidade de produção de aço bruto em 100 milhões a 150 milhões de toneladas nos próximos cinco anos.

(Por Shu Zhang e David Stanway)