Wall St termina perto da estabilidade após comentários do BCE decepcionarem

quinta-feira, 10 de março de 2016 19:59 BRT
 

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam a sessão volátil desta quinta-feira perto da estabilidade, após o Banco Central Europeu (BCE) reduzir as taxas de juros, mas seu presidente, Mario Draghi, dizer que novos cortes são improváveis.

O índice Dow Jones caiu 0,03 por cento, a 16.995 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,02 por cento, a 1.989 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 0,26 por cento, a 4.662 pontos.

As ações subiram com força mais cedo, após o BCE levar sua taxa de depósito ainda mais para o território negativo e aumentar o programa de compra de ativos para 80 bilhões de euros ao mês, em um esforço para impulsionar o crescimento na região.

"O mundo estava realmente feliz com isso principalmente porque nós estamos todos viciados em taxa de juro zero", disse a analista da Fort Pitt Capital Group Kim Forrest. "É dinheiro grátis".

Quando Draghi disse que novos cortes aconteceriam somente sob condições extremas, investidores que esperavam juros ainda mais baixos mudaram suas estratégias para ativos de menor risco, disse a analista.

Nos EUA, dados mostraram que o número de pedidos de auxílio-desemprego no país caiu mais que o esperado na semana passada, para o menor patamar desde outubro, indicando um crescimento sustentável no mercado de trabalho que deve ajudar a deixar de lado receios de uma recessão.