Starwood aceita nova oferta da Marriott para criar maior rede hoteleira do mundo

segunda-feira, 21 de março de 2016 18:38 BRT
 

(Reuters) - A Starwood Hotels and Resorts Worldwide, proprietária das marcas Sheraton e Westin, aceitou uma oferta melhorada de aquisição por 13,6 bilhões de dólares feita pelo grupo Marriott International, descartando oferta da chinesa Anbang Insurance Group.

A guerra de ofertas pela Starwood confrontou as ambições da Marriott de criar a maior rede hoteleira do mundo, com cerca de 5.700 hotéis, com a estratégia da Anbang de criar um vasto portfólio de investimentos em ativos imobiliários norte-americanos de alta rentabilidade.

A Marriott elevou a porção em dinheiro de sua oferta para 21 dólares por ação, ante 2 dólares por ação, elevando a oferta total, que também inclui ações, a 79,53 dólares, segundo o fechamento de sexta-feira. A empresa havia acertado um acordo com a Starwood em novembro no valor de 72,08 dólares por ação.

Se a Anbang continuar na corrida e lançar uma nova oferta bem-sucedida pela Starwood, a aquisição seria a maior já feita por uma empresa chinesa nos Estados Unidos.

O acordo de fusão da Starwood com a Marriott agora impede a empresa de se comunicar com a Anbang, mas a empresa chinesa ainda pode fazer uma oferta para que o conselho da Starwood considere antes da votação de seus acionistas sobre o acordo com a Marriott em 8 de abril.

A Anbang não comentou nesta segunda-feira se estava planejando uma nova oferta pela Starwood.

(Por Mike Stone, Jeffrey Dastin, Arunima Banerjee e Sayantani Ghosh)