Japão reduz avaliação econômica com recuo do consumo

quarta-feira, 23 de março de 2016 07:20 BRT
 

TÓQUIO (Reuters) - O governo do Japão piorou sua avaliação sobre a economia em março pela primeira vez em cinco meses devido à fraqueza dos gastos do consumidor, o que reforça a visão de que mais estímulo fiscal será necessário para manter a economia crescendo.

"A economia do Japão continua a caminho da recuperação, mas podem ser vistos mais pontos fracos na economia", disse o Escritório do Gabinete em seu relatório econômico mensal nesta quarta-feira.

"Entretanto, há riscos, incluindo a desaceleração das economias emergentes. Precisamos também prestar atenção aos mercados financeiros internacionais."

Isso marca uma piora em relação ao mês passado, quando o Escritório do Gabinete disse que a fraqueza na economia ainda era limitada.

O governo piorou sua avaliação do consumo para dizer que os gastos do consumidor estão estáveis. Entretanto, melhorou sua avaliação dos gastos de capital e exportações, mas alguns economistas demonstraram mais cautela porque a renovada desaceleração nas economias externas pode fazer com que as exportações e investimentos empresariais caiam rapidamente.

(Reportagem de Stanley White)

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7729)) REUTERS CMO AC