Wall St cai com perdas nos setores de petróleo e matérias-primas

quarta-feira, 23 de março de 2016 18:25 BRT
 

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos fecharam em queda nesta quarta-feira com recuo nos preços de ações de empresas ligadas ao petróleo e matérias-primas, enquanto os investidores permaneceram cautelosos um dia após os ataques na Bélgica.

O índice Dow Jones caiu 0,45 por cento, a 17.502 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 0,64 por cento, a 2.036 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 1,1 por cento, a 4.768 pontos.

Com a queda na sessão, o S&P 500 voltou ao território negativo no acumulado do ano, após ter passado para o campo positivo pela primeira vez em 2016 na sexta-feira.

O enfraquecimento do rali de cinco semanas do mercado acionário norte-americano foi ainda influenciado por comentários nos últimos dias de membros do Federal Reserve, que expressaram visões sugerindo um apetite por mais altas de juros nos EUA do que os investidores antecipavam.

A possibilidade de mais do que duas altas de juros nos EUA até dezembro fortaleceu o dólar, pressionando os preços das commodities.

"É basicamente isso que está influenciando o mercado hoje", disse o economista-chefe da First Standard Financial, Peter Cardillo. "É tudo sobre commodities".

Dos 10 principais índices setoriais do S&P 500, oito caíram, liderados pela baixa de 2,1 por cento no setor de energia. As ações da Chevron e da ConocoPhillips ficaram entre as maiores perdas. O setor de serviços públicos subiu 0,7 por cento e foi o que teve o melhor desempenho.