Caixa Econômica sobe juro do crédito imobiliário

segunda-feira, 28 de março de 2016 15:16 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Caixa Econômica Federal informou nesta segunda-feira que subiu as taxas de juros do financiamento imobiliário desde a quinta-feira passada. O aumento atingiu o crédito para compra de imóveis residenciais e comerciais com recursos da caderneta de poupança.

A taxa de juros efetiva no balcão, cobrada de não clientes do banco, subiu de 9,9 para 11,22 por cento ao ano dentro do Sistema Financeiro da Habitação (SFH), para imóveis residenciais de até 750 mil reais.

Dentro de determinadas condições, incluindo a de que o tomador tenha conta e relacionamento com o banco, e de ser servidor público, a taxa pode ser de até 10 por cento anuais.

Dentro do Sistema Financeiro Imobiliário (SFI), válido para imóveis acima desta faixa de preço, a taxa de balcão para moradias passou de 11,5 para 12,5 por cento ao ano. Com relacionamento, a taxa pode ser de 11 por cento ao ano.

A medida vai na contramão do anunciado pelo banco estatal no começo do mês, quando flexibilizou algumas condições, incluindo a elevação da cota do financiamento para aquisição de imóveis usados de 40 a 60 por cento para até 80 por cento e reabertura da oferta de empréstimos para compra do segundo imóvel. Esta flexibilização ainda não entrou em vigor, segundo Caixa.

(Por Aluisio Alves)