Confiança do consumidor cai em março com piora da percepção da situação atual, diz FGV

terça-feira, 29 de março de 2016 08:21 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A percepção da situação atual pelo consumidor brasileiro piorou e a confiança voltou a cair em março, de acordo com a Fundação Getulio Vargas nesta terça-feira.

Após duas altas seguidas, o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da FGV recuou 1,4 ponto em março e atingiu 67,1 pontos.

O Índice da Situação Atual (ISA) registrou recuo de 2,8 pontos e foi a 66,3 pontos, nova mínima histórica, enquanto o Índice de Expectativas apresentou queda de 0,4 ponto, chegando a 69,0 pontos.

"Após ensaiar uma recuperação, a confiança do consumidor voltou a cair em março, desta vez influenciada por um movimento de piora das finanças familiares", destacou a coordenadora da sondagem do consumidor da FGV, Viviane Seda Bittencourt, em nota.

O cenário para o consumidor brasileiro em 2016 continua sendo de fortes incertezas, com inflação e juros elevados, desemprego em alta com queda de renda e crédito restrito em meio a uma grave crise política.

(Por Camila Moreira)