Wall Street sobe e índice de volatilidade toca mínima em 7 meses

quarta-feira, 30 de março de 2016 18:10 BRT
 

(Reuters) - As ações norte-americanas adentraram ainda mais em território positivo em 2016 nesta quarta-feira, ajudadas mais uma vez pelos comentários na terça-feira da chair do Federal Reserve, Janet Yellen, que aplacaram a ansiedade sobre potenciais aumentos da taxa de juros nos Estados Unidos.

O S&P 500 subiu 0,44 por cento, encerrando a 2.063 pontos, levando seus ganhos em 2016 a cerca de 1 por cento. O índice Dow Jones subiu 0,47 por cento, a 17.716 pontos, e o Nasdaq Composite também registrou alta de 0,47 por cento, a 4.869 pontos.

Yellen disse na terça-feira que o Banco Central norte-americano deve proceder cautelosamente no aumento das taxas de juros. Nesta quarta-feira, seus comentários foram ecoados pelo presidente do Fed de Chicago, Charles Evans, que disse que há um obstáculo maior para elevar as taxas em abril, dada a inflação baixa.

Isso acalmou investidores, que têm estado inseguros há meses em relação à economia global em desaceleração, o dólar mais forte, preços do petróleo voláteis e falta de crescimento em empresas norte-americanas de primeira linha.

O índice de volatilidade CBOE, medidor de receio de Wall Street, encerrou em queda de 1,9 por cento, no menor nível desde agosto passado.

(Por Noel Randewich; reportagem adicional por Yashaswini Swamynathan e Abhiram Nandakumar)