Ações chinesas caem com investidores aguardando dados econômicos de março

quinta-feira, 7 de abril de 2016 07:50 BRT
 

XANGAI/SYDNEY (Reuters) - As ações chinesas recuaram mais de 1 por cento nesta quinta-feira, com os investidores esperando uma série de dados econômicos do país, cautelosos com os sinais de aumento dos riscos de default no mercado nacional de títulos corporativos.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 1,48 por cento, enquanto o índice de Xangai teve queda de 1,35 por cento.

Na próxima semana, a China vai divulgar uma série de dados econômicos importantes referentes a março. Uma pesquisa da Reuters mostrou que as exportações chinesas devem ter voltado a crescer pela primeira vez em nove meses, enquanto o ritmo de empréstimo dos bancos pode ter acelerado.

No Japão, o iene atingiu a máxima de 17 meses, afundando as ações de exportadores do país no processo.

O aumento do iene, que prejudica os lucros, limitou a alta do índice Nikkei, de 0,2 por cento, apesar de uma boa recuperação dos setores de saúde e energia. O índice acumula perdas de 7 por cento nas últimas duas semanas, pesando sobre a confiança na região.

Às 7:46 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,19 por cento.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,22 por cento, a 15.749 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,29 por cento, a 20.266 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 1,35 por cento, a 3.009 pontos.   Continuação...