Minério de ferro tem terceira queda semanal puxado por oferta em expansão

sexta-feira, 8 de abril de 2016 11:02 BRT
 

MANILA (Reuters) - O minério de ferro teve sua terceira queda semanal de preços, pressionado por uma oferta que deverá crescer mais nos próximos meses e por expectativas de uma demanda morna no maior comprador, a China.

O preço da commodity, que é matéria-prima do aço, caiu cerca de 15 por cento ante máximas em nove meses de acima de 60 dólares a tonelada em meados de março, e tem sofrido para registrar ganhos no início do segundo trimestre.

Nesta sexta-feira, o minério de ferro para entrega à vista no porto chinês de Tianjin teve queda de 0,93 por cento, para 53,80 dólares a tonelada.

"Nós acreditamos que o preço justo está próximo de 45 dólares", disse o analista Gunjan Aggarwal, da consultoria CRU em Mumbai.

Nos mercados futuros, o contrato para setembro mais negociado na bolsa de Dalian teve baixa de 0,1 por cento nesta sessão, para 377 iuanes a tonelada, enquanto o minério de ferro para junho na bolsa de Cingapura caiu 1 por cento, para 49,09 dólares a tonelada.

(Por Manolo Serapio Jr)