Produção de petróleo da Petrobras cai em fevereiro; tem pior nível em quase 2 anos

sexta-feira, 8 de abril de 2016 19:41 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A produção de petróleo da Petrobras no Brasil caiu 6,8 por cento em fevereiro, ante o mesmo mês de 2015, e ficou estável ante janeiro, em seu pior nível em quase dois anos, em meio a paradas programadas para manutenção, segundo dados da petroleira divulgados nesta sexta-feira.

O volume produzido no segundo mês do ano foi de 2 milhões de barris de petróleo por dia (bpd), pior nível desde maio de 2014, quando a companhia extraiu no país 1,975 milhão bpd.

A produção média de gás natural da Petrobras no país em fevereiro foi de 75,4 milhões de metros cúbicos por dia (m³/dia), alta de 1,9 por cento ante o mesmo mês do ano passado e avanço de 1,8 por cento em relação ao mês anterior.

O fraco resultado da Petrobras ocorre apesar do avanço da produção no pré-sal. Junto com suas sócias, a estatal produziu 874 mil bpd nas promissoras áreas, alta 6,2 por cento ante janeiro.

Contribuiu para a produção no pré-sal a entrada em operação, em fevereiro, do navio-plataforma Cidade de Maricá, instalado na área de Lula Alto, no campo de Lula, na Bacia de Santos, informou a Petrobras, acrescentando que a unidade, do tipo FPSO, tem capacidade de produzir até 150 mil bpd.

A empresa disse ainda que, ainda em 2016, mais dois grandes sistemas definitivos de produção estão programados para entrar em operação no pré-sal: o projeto Lula Central (FPSO Cidade de Saquarema) e o projeto Lapa (FPSO Cidade de Caraguatatuba).

PRODUÇÃO TOTAL

Somando a produção de óleo e gás, a empresa produziu 2,48 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d) no Brasil, mantendo-se estável em relação a janeiro.   Continuação...