Bovespa avança 3,7% para 52 mil pts com expectativa de impeachment e exterior favorável

terça-feira, 12 de abril de 2016 17:53 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa fechou em forte alta nesta terça-feira, aos 52 mil pontos pela primeira vez desde julho de 2015, em meio a apostas crescentes no impeachment da presidente Dilma Rousseff e um cenário externo amplamente favorável.

O Ibovespa subiu 3,66 por cento, a 52.001 pontos. Na máxima, chegou 52.327 pontos. O volume financeiro do pregão foi forte, totalizando 8,8 bilhões de reais.

A sinalização por alguns partidos menores da base aliada da presidente Dilma de que podem desembarcar do governo endossou as já crescentes expectativas de impeachment da presidente Dilma, um dia após comissão especial sobre o tema na Câmara dos Deputados aprovar parecer favorável à abertura de processo de impedimento.

Investidores estão contando os potenciais votos dos deputados na sessão marcada para domingo, que irá definir a abertura ou não do processo de impeachment da presidente Dilma.

"É inegável o otimismo com o impeachment", disse um operador de uma corretora em São Paulo, que pediu para não ter o nome citado

O ambiente externo como um todo também ajudou a bolsa brasileira, em mais um dia de alta nas commodities, que também contagiou Wall Street, onde o S&P 500 subiu 0,97 por cento conforme os preços do petróleo renovaram máximas de 2016.

DESTAQUES   Continuação...