Atividade econômica dos EUA expandiu e há sinais de aceleração dos salários, diz Livro Bege do Fed

quarta-feira, 13 de abril de 2016 15:25 BRT
 

Por Lindsay Dunsmuir

WASHINGTON (Reuters) - A economia dos Estados Unidos continuou a expandir entre o fim de fevereiro e o início de abril e o desemprego baixo parece estar provocando alguma aceleração do crescimento dos salários, informou nesta quarta-feira o Federal Reserve, banco central norte-americano.

Os salários cresceram em 11 dos 12 distritos regionais do Fed e vários relataram sinais de aceleração do crescimento dos salários, segundo o relatório Livro Bege, que compila informações coletadas com contatos empresariais em todo o país.

O Fed tem sinalizado cautela ao elevar os juros neste ano enquanto espera para avaliar se a economia do país consegue superar o impacto da desaceleração do crescimento econômico global e os riscos relacionados ao dólar forte e ao período sustentado de preços baixos do petróleo.

A estagnação dos salários também tem afetado a inflação, que tem girado abaixo da meta de 2 por cento do Fed.

O relatório traz motivos tanto para otimismo quanto para cautela sobre a perspectiva econômica dos EUA. Os gastos do consumidor cresceram de forma apenas modesta na maioria dos distritos e embora os gastos de capital tenham aumentado de forma geral, houve apenas relatos dispersos de gastos para expansão para capacidade.

A manufatura cresceu na maioria dos distritos mas as expectativas para o crescimento futuro são mistas. Um ponto otimista em particular no mercado de trabalho foi o setor de saúde, que cresceu em ritmo sólido em vários distritos, disse o Fed.

Os distritos de Boston, Cleveland e St. Louis citaram relevantes aumentos salariais para empregos nos setores de serviços de tecnologia de informação, vagas qualificadas no segmento de construção e manufatura.

Na Filadélfia, as empresas "indicaram que aumentaram seus salários iniciais para atrair funcionários de maior qualidade", enquanto em Chicago mais contatos aumentaram os salários para cargos iniciais de baixa qualificação.   Continuação...