Ações chinesas atingem máxima de 3 meses antes de dados do PIB do 1º tri

quinta-feira, 14 de abril de 2016 07:50 BRT
 

Por Saikat Chatterjee

XANGAI/HONG KONG (Reuters) - As ações chinesas avançaram para novas máximas em três meses nesta quinta-feira, com os investidores se preparando para uma surpresa positiva em relação aos dados sobre o crescimento econômico da China no primeiro trimestre, que são divulgados na sexta-feira.

Dados publicados na quarta-feira mostraram que as exportações chinesas voltaram a crescer em março pela primeira vez em nove meses, em um sinal encorajador antes da publicação dos números do Produto Interno Bruto (PIB).

Os mercados do restante da região também subiram, atingindo o maior nível em mais de quatro meses.

Às 7:45 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,75 por cento, seu maior nível desde 26 de novembro.

As altas foram lideradas pelo Japão, com os investidores interpretando a decisão de afrouxamento monetário do banco central de Cingapura como um sinal de mais estímulos nas economias voltadas para o comércio do Sudeste Asiático e de uma trajetória mais amena de aperto monetário nos Estados Unidos nos próximos meses.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 3,23 por cento, a 16.911 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,85 por cento, a 21.337 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,52 por cento, a 3.082 pontos.   Continuação...