Dólar cai frente ao real após Câmara aprovar processo de impeachment de Dilma

segunda-feira, 18 de abril de 2016 09:13 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar sobre o real nesta segunda-feira após a Câmara dos Deputados aprovar na noite passada a abertura de processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.

Às 9:11, o dólar recuava 0,49 por cento, a 3,5068 reais na venda, após bater 3,4719 reais na mínima do dia, logo após a abertura dos negócios. Na sessão passada, a moeda norte-americana subiu 1,38 por cento diante da forte atuação do Banco Central no mercado de câmbio.

Muitos operadores acreditam que eventual troca no governo pode ajudar a resgatar a confiança na economia brasileira, atualmente em profunda recessão.

"No curto prazo, a venda de dólares deve continuar, ainda mais levando em conta que o BC está comportado, silencioso", disse o gerente de câmbio da corretora BGC Liquidez, Francisco Carvalho.

O BC, por enquanto, não anunciou qualquer intervenção, após atuar fortemente neste mês principalmente por meio de swaps cambiais reversos, que equivalem a compra futura de dólares.

Carvalho ressaltou, porém, que muitos operadores realizavam lucros neste pregão, após as fortes quedas do dólar que antecederam a votação. A moeda norte-americana acumulou baixa de 10,74 por cento frente ao real neste ano até a sexta-feira.

(Por Bruno Federowski)