Demanda do consumidor por crédito cai 0,4% em março, diz Serasa

segunda-feira, 18 de abril de 2016 10:48 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A procura do consumidor por financiamento recuou 0,4 por cento em março sobre o mesmo mês de 2015, sétima queda nos últimos oito resultados, informou a empresa de análise de dados de crédito Serasa Experian nesta segunda-feira.

Aumento do desemprego, juros elevados e confiança do consumidor abalada continuam impedindo um resultado mais favorável na demanda por empréstimos no país, disseram economistas da Serasa em comunicado.

Na comparação com fevereiro houve avanço de 8,4 por cento na demanda por conta do efeito calendário, uma vez que o carnaval reduziu a procura por crédito no mês anterior, segundo a empresa.

Considerando os três primeiros meses do ano, houve avanço de 1 por cento na demanda por crédito sobre o primeiro trimestre de 2015. O resultado representa uma desaceleração ante a alta de 5,9 por cento registrada no primeiro trimestre do ano passado.

Apenas em março, a queda na demanda concentrou-se na baixa renda, segmento de pessoas que ganham até 500 reais mensais, com recuo de 5 por cento na procura. Aqueles que recebem entre 500 e mil reais por mês tiveram baixa de 1,3 por cento na procura por crédito.

(Por Priscila Jordão)