Venezuela diz que EUA ajudaram a arruinar acordo de petróleo em Doha

segunda-feira, 18 de abril de 2016 15:15 BRT
 

MOSCOU (Reuters) - A pressão intensa dos Estados Unidos foi uma das razões pelas quais produtores de dentro e fora da Opep não conseguiram alcançar um acordo em Doha, no domingo, para congelar a produção, disse o ministro de Petróleo da Venezuela, Eulogio Del Pino, a repórteres.

"Os EUA estavam por trás da pressão. Eles têm um problema com Venezuela, Rússia... Eles estão fazendo isso por razões políticas e estão ignorando o sofrimento de seu próprio povo. Pergunte a qualquer petroleira nos EUA - elas estão todas muito tristes pelo que aconteceu ontem", disse.

(Por Dmitry Zhdannikov)