Preços do petróleo recuam com sinais de aumento de produção

quinta-feira, 21 de abril de 2016 17:49 BRT
 

(Reuters) - Os preços dos contratos futuros do petróleo recuaram nesta quinta-feira, após duas sessões de alta, conforme produtores da Rússia à Arábia Saudita e do Irã à Líbia sinalizaram mais produção em meio a crescentes estoques da commodity nos Estados Unidos.

Movimentos de realização de lucros e a estabilização do dólar após fraqueza no início da semana também pesaram nas cotações do petróleo.

Os contratos futuros do Brent fecharam em baixa de 2,8 por cento, a 44,53 dólares o barril. O petróleo nos EUA encerrou a 43,18 dólares, com queda de 2,3 por cento.

Os preços avançaram inicialmente quando a Agência Internacional de Energia disse que a produção de não-membros da Opep iria cair neste ano.

Mas conforme a sessão progrediu a Rússia e produtores relevantes membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) indicaram que eles irão elevar a produção, o que enfraqueceu o fôlego das cotações

Também pesaram dados da empresa de inteligência de mercado Genscape sugerindo uma alta de mais de 840 mil barris nos estoques em Cushing, Oklahoma, ponto de entrega para contratos futuros nos EUA, nos quatro dias até 19 de abril.