REPERCUSSÃO-BC mantém juros em 14,25% em decisão unânime

quarta-feira, 27 de abril de 2016 20:23 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Comitê de Política Monetária do Banco Central manteve nesta quarta-feira, em decisão unânime, a taxa de juros básica da economia em 14,25 por cento, por entender que a inflação ainda está muito alta para permitir um corte dos juros.

No comunicado, o Copom reconheceu avanços na política de combate à inflação, mas ponderou que a elevada inflação em 12 meses e as expectativas para a inflação ainda distantes da meta "não oferecem espaço para a flexibilização da política monetária".

Esta foi a primeira vez desde outubro do ano passado que o Copom tomou uma decisão unânime.

Veja abaixo comentários sobre a decisão:

ZEINA LATIF, ECONOMISTA-CHEFE, XP INVESTIMENTOS

"A decisão veio sem novidades, mas o comunicado foi 'dovish'. O BC citar no comunicado que não é o hora de cortar juros pode levar à leitura de que a próxima reunião vai ser o momento."

"O comunicado não necessariamente significa corte na próxima (reunião), mas o mercado pode ler dessa forma porque se ele fala isso quer dizer que houve a discussão de cortar juros."   Continuação...