Ações chinesas têm maior alta em 5 semanas; iene sobe com aumento da aversão a risco

terça-feira, 3 de maio de 2016 07:37 BRT
 

Por Saikat Chatterjee

XANGAI/HONG KONG (Reuters) - As ações chinesas tiveram seu melhor dia em quase cinco semanas nesta terça-feira, com os investidores apostando em melhoras dos fundamentos corporativos no curto prazo, ainda que o baixo volume de negócios fracos na volta de feriado sugira que a confiança permanece frágil.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve alta de 1,8 por cento, enquanto o índice de Xangai avançou 1,87 por cento.

Os investidores chineses ficaram aliviados com os ganhos do primeiro trimestre das companhias chinesas listadas, em que os lucros não tombaram tanto quanto se esperava. Analistas disseram que as esperanças de que a estabilização da economia também possa sustentar os lucros do segundo trimestre impulsionaram a confiança.

Porém, no restante do continente, os mercados devolveram os ganhos de mais cedo e fecharam em queda, e o iene subiu para uma nova máxima de 18 meses, com as crescentes dúvidas dos investidores sobre a capacidade dos bancos centrais do mundo de impulsionar o crescimento através do afrouxamento monetário agressivo.

Às 7:34 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 0,53 por cento, depois de chegar a subir 0,4 por cento na sessão.

O Japão está no meio de uma semana de feriados. Os mercados estiveram fechados na sexta-feira, e continuarão fechados entre terça-feira e quinta-feira desta semana.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei não abriu para negócios.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,85 por cento, a 20.676 pontos.   Continuação...