Bovespa tem 4ª queda seguida por pressão do resultado do Itaú e cena externa

terça-feira, 3 de maio de 2016 17:37 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou com o seu principal índice em queda pelo quarto pregão seguido nesta terça-feira, em sessão de noticiário corporativo vigoroso, com as ações Itaú Unibanco entre as maiores pressões de baixa, após ter divulgado queda no lucro e alta nas provisões para calotes no primeiro trimestre.

O Ibovespa caiu 2,43 por cento, a 52.260 pontos.

O volume financeiro somou 6,8 bilhões de reais.

O quadro externo desfavorável, particularmente a queda dos preços de commodities, foi mais um componente negativo para as operações brasileiras, após dados sobre a China e o corte de juros inesperado na Austrália alimentarem apreensões acerca do crescimento global.

"Temos que prestar atenção à conjuntura externa... O mercado local não mostrará bom desempenho com impeachment e melhor equipe econômica do mundo se as commodities voltarem a cair", disse o trader Thiago Montenegro, da Quantitas Gestão de Recursos.

DESTAQUES

  Continuação...