Ações chinesas têm leve alta, mas restante da região asiática registra perdas

quinta-feira, 5 de maio de 2016 07:50 BRT
 

XANGAI/SYDNEY (Reuters) - As ações chinesas tiveram ligeira alta nesta quinta-feira, mas o volume de negócios continuou próximo das mínimas de quatro meses em meio a novos sinais de que a recuperação econômica do país tem bases fracas.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,14 por cento, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,23 por cento.

A pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) do Caixin/Markit mostrou que o setor de serviços da China expandiu a um ritmo mais fraco em abril, ainda que as empresas tenham voltado a contratar.

Porém, os mercados do restante do continente recuaram pela sétima sessão consecutiva, uma vez que dados econômicos mistos não ajudaram a amenizar as preocupações com o crescimento global, mantendo os títulos governamentais como uma proteção contra os riscos deflacionários.

Às 7:47 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 0,38 por cento, acumulando queda de 5 por cento em apenas duas semanas.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei não teve operações.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,37 por cento, a 20.449 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,23 por cento, a 2.998 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,14 por cento, a 3.213 pontos.   Continuação...