Ações dos EUA fecham em alta após dados do mercado de trabalho, mas acumulam queda na semana

sexta-feira, 6 de maio de 2016 18:09 BRT
 

(Reuters) - Os índices acionários norte-americanos se recuperaram após perdas iniciais, encerrando em alta nesta sexta-feira, com investidores considerando os dados sobre o mercado de trabalho menos decepcionantes do que se pensava.

O índice Dow Jones encerrou a sessão em alta de 0,45 por cento, a 17.740 pontos, o Standard & Poor´s 500 subiu 0,32 por cento, para 2.057 pontos, e o Nasdaq Composite teve alta de 0,4 por cento, para 4.736 pontos.

As ações de matérias-primais, indústrias e bens discricionários figuraram entre as maiores ganhadoras do dia, com o índice de matérias-primas do S&P em alta de 0,8 por cento e o ouro subindo no dia.

Pela manhã, o Departamento de Trabalho dos Estados Unidos divulgou que a economia do país criou o menor número de empregos em sete meses em abril, abaixo do esperado por economistas.

Mas o relatório também trouxe algumas notícias otimistas, como a renda média por hora trabalhada, que subiu 0,08 dólar, ou 0,3 por cento, no mês passado.

Dados econômicos mistos e crescimento global em desaceleração têm enfraquecido o apetite de investidores por ativos de risco como ações.

Todos os três principais índices acionários de Wall Street acumularam desvalorização na semana, com o Dow Jones caindo 0,2 por cento, o S&P 500 em queda de 0,4 por cento e o Nasdaq em baixa de 0,8 por cento.

(Por Caroline Valetkevitch)