S&P eleva rating da Argentina para "B-", após pagamento de juros em atraso

sexta-feira, 6 de maio de 2016 20:11 BRT
 

(Reuters) - A agência de classificação de risco S&P elevou nesta sexta-feira o rating da dívida em moeda estrangeira de longo prazo da Argentina para "B-", ante default seletivo (SD, na sigla em inglês), depois que o país pagou os juros em atraso de uma série de títulos.

No último dia 22 de abril, a Argentina pagou 9 bilhões de dólares em juros para os detentores de bônus que não aceitaram os termos de troca da dívida, os chamados "holdouts", após uma longa disputa judicial que impedia o país de emitir títulos no mercado internacional. Com isso, o país deixou para trás o calote da dívida declarado há 14 anos.