Senador Blairo Maggi diz que aceita ser ministro da Agricultura em um governo Temer

sábado, 7 de maio de 2016 18:41 BRT
 

(Reuters) - O senador Blairo Maggi (PR-MT) disse neste sábado que foi convidado pelo PP para ser o ministro da Agricultura num governo comandado pelo vice-presidente Michel Temer e aceitou a "missão".

"Fui convidado pelo Partido Progressista para assumir o Ministério da Agricultura. Aceitei, falta oficialização do futuro presidente Michel Temer", disse Blairo no Twitter.

Grande produtor de soja, Blairo, que é gaúcho radicado no Mato Grosso, foi governador do Estado por dois mandatos e é senador desde 2011.

O fato de Blairo ser do PR e o convite ter sido feito pelo PP sugere que o senador vá trocar de partido.

"Aceito assumir o Ministério da Agricultura em nome de meu querido Mato Grosso, Estado do agronegócio e pelo momento que vivemos, acredito poder ajudar o Brasil", acrescentou. "Agradeço a Deus e peço a Ele que me abençoe nessa missão... Espero ter o apoio de todos."

Caso o Senado aceite, na próxima quarta-feira, a instalação de um processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, ela será afastada do cargo por até 180 dias e Temer assumirá interinamente a Presidência da República.

(Por Alexandre Caverni)