Brasil volta a liberar importação de café verde do Peru

terça-feira, 10 de maio de 2016 18:45 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Ministério da Agricultura voltou a autorizar as importações de grãos verdes de café provenientes do Peru, segundo publicação no Diário Oficial da União nesta terça-feira.

A decisão foi classificada como "ameaça" aos produtores de café do Brasil, segundo nota da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA).

O governo brasileiro chegou a liberar por alguns dias, entre o fim de abril e o fim de maio de 2015, a importação inédita de café verde do Peru, mas voltou atrás sob forte pressão dos agricultores.

Dados estatísticos de comércio exterior fornecidos pelo Ministério da Agricultura mostram que nenhum carregamento de café verde do Peru chegou ao país naquele período.

Torrefadoras locais defendem a compra de café verde do Peru como uma maneira de melhorar suas vendas com o marketing de um "blend" próprio com o grão importado.

Para o deputado federal Silas Brasileiro (PMDB-MG), presidente do Conselho Nacional do Café (CNC), entidade que representa produtores e cooperativas, a liberação feita nesta terça-feira "não tem o menor sentido..., é uma provocação ao nosso setor".

"A medida foi tomada à revelia, sem ouvir qualquer segmento da cadeia produtiva", disse Brasileiro, em nota.

Os produtores de café argumentam que um fungo existente em plantações de cacau do Peru poderia ser trazido ao Brasil, onde ele não existe, numa ameaça às plantações de cacau e café do país.

O Brasil é o maior produtor e exportador de café do mundo.

(Por Gustavo Bonato)