Excesso de chuvas em abril afeta produtividade de soja na Argentina, diz bolsa

quinta-feira, 12 de maio de 2016 17:35 BRT
 

BUENOS AIRES (Reuters) - As chuvas que deixaram debaixo d'água cerca de metade da região agrícola da Argentina durante grande parte de abril afetaram a produtividade safra de soja 2015/16, afirmou nesta quinta-feira a bolsa de cereais de Buenos Aires.

A entidade estimou que a safra de soja argentina 2015/16 apresenta uma produtividade média de 3,4 toneladas por hectare.

"A significativa redução da produtividade nas áreas fortemente afetadas pelas más condições climáticas de abril provoca a queda da produtividade média nacional", disse a bolsa em seu relatório semanal de cultivos.

O país sul-americano é o terceiro exportador mundial de soja e o maior fornecedor de farelo e óleo, por isso, seus problemas climáticos, que causaram uma forte queda nas projeções da colheita 2015/16, também impulsionaram os preços internacional da oleaginosa nas últimas semanas.

No que diz respeito à safra de milho 2015/16, a bolsa disse que a colheita está avançando lentamente nos campos do quarto maior exportador do grão, o que poderia gerar danos.

(Por Maximiliano Rizzi)