Principal índice europeu fecha perto da estabilidade; Taylor Wimpey e Vodafone sobem

terça-feira, 17 de maio de 2016 14:18 BRT
 

Por Atul Prakash e Danilo Masoni

LONDRES/MILÃO (Reuters) - As ações europeias terminaram esta terça-feira praticamente estáveis, com os ganhos de companhias como Taylor Wimpey e Vodafone após dados positivos e uma alta das mineradoras compensando a fraqueza do setor automotivo.

O índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 fechou com variação negativa de 0,03 por cento, a 1.315 pontos, após atingir mais cedo o maior nível desde o começo de maio. O índice, que também encerrou as operações de segunda-feira estável, ainda acumula perdas de 8 por cento este ano.

A Taylor Wimpey avançou 4,7 por cento após a construtora anunciar uma remuneração especial, prometendo aos investidores cerca de 1,3 bilhão de libras em três anos, sustentada pela forte demanda imobiliária na Grã-Bretanha.

A Vodafone subiu 1,5 por cento após a segunda maior operadora de telefonia móvel do mundo dizer que o crescimento de seus lucros vai acelerar este ano. O grupo disse que um programa para aperfeiçoar suas redes impulsionou a demanda na Europa e ajudou a empresa a voltar a registrar crescimento em sua receita e lucro recorrente em 2016, pela primeira vez desde 2008.

Já o índice do setor automobilístico recuou 2,7 por cento, maior perda setorial. A Fiat Chrysler tombou 6,7 por cento após o Exane BNP Paribas rebaixar a ação para "underperform".

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,27 por cento, a 6.167 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,63 por cento, a 9.890 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,34 por cento, a 4.297 pontos.   Continuação...