Pedro Parente será convidado formalmente nesta 5ª para presidir Petrobras, diz Padilha

quinta-feira, 19 de maio de 2016 14:09 BRT
 

Por Lisandra Paraguassu

BRASÍLIA (Reuters) - O ex-ministro Pedro Parente será convidado formalmente na tarde desta quinta-feira para presidir a Petrobras, informou o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha.

Ex-ministro da Casa Civil do governo de Fernando Henrique Cardoso, Parente vai se reunir com o presidente interino Michel Temer, no Palácio do Planalto.

A Reuters noticiou há dois dias que Parente deveria ser apontado para o comando da estatal de petróleo no lugar de Aldemir Bendine.

Temer quer que Parente, atualmente presidente do conselho de administração da BM&FBovespa, ajude a recuperar a Petrobras, que é a empresa de petróleo mais endividada do mundo e está sofrendo com o impacto dos preços em queda e um escândalo de corrupção que restringiu acesso ao financiamento.

 
Sede da Petrobras, no centro do Rio de Janeiro.    18/01/2016
  REUTERS/Sergio Moraes