Mercados europeus recuam, mas ações gregas fecham em alta

segunda-feira, 23 de maio de 2016 14:12 BRT
 

Por Sudip Kar-Gupta

LONDRES (Reuters) - A bolsa grega subiu, enquanto os outros mercados europeus caíram nesta segunda-feira, após Atenas concordar com uma série de reformas que devem abrir caminho para um acordo sobre os empréstimos de resgates e conversas para alívio da dívida.

O índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 teve queda de 0,52 por cento, a 1.319 pontos, enquanto o índice STOXX 600 recuou 0,4 por cento, pressionado pelos recuos da Fiat Chrysler e da Bayer.

Entretanto, o índice acionário de Atenas subiu 1,5 por cento. Ele subiu após os parlamentares gregos aprovarem aumentos de impostos e um novo fundo de privatização no domingo, e liberarem a venda de créditos podres em troca da possibilidade dos necessários empréstimos do resgate e das discussões de um alívio da dívida.

A Fiat Chrysler caiu 4,4 por cento após o jornal alemão Bild am Sonntag dizer que a montadora pode ser proibida de vender carros na Alemanha se evidências de contínuos desrespeitos às regras de emissões forem encontradas.

Um porta-voz da Fiat Chrysler se recusou a comentar a reportagem, mas disse que todos os veículos da montadora respeitam as regulações existentes de emissões.

A Bayer recuou 5,7 por cento após o grupo farmacêutico e químico alemão ter feito uma oferta para comprar a companhia de sementes dos Estados Unidos Monsanto por 62 bilhões de dólares em um acordo que seria financiado por dívidas e ações.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,32 por cento, a 6.136 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,74 por cento, a 9.842 pontos.   Continuação...