China planeja abrir mercados futuros de commodities para estrangeiros

quarta-feira, 25 de maio de 2016 10:02 BRT
 

XANGAI (Reuters) - A China pode abrir seus mercados futuros de commodities para investidores estrangeiros e do setor financeiro, disse o regulador do mercado de capitais do país, em um momento em que o maior consumidor global de importantes matérias-primas tenta ter um papel mais decisivo na definição dos preços das commodities.

As bolsas de commodities da China também irão observar atentamente os movimentos de preços nos mercados futuros, disse o vice-presidente da Comissão de Regulação do Mercados de Capitais da China, Fang Xinghai, em uma conferência de imprensa.

Uma alta nos preços futuros de commodities na China este ano foi seguida de uma rápida queda, o que despertou temores sobre oscilações exageradas.

Fang disse que a abertura do mercado ajudaria a China a estabelecer um papel de formadora global de preços e permitiria que empresas locais enfrentassem melhor as volatilidades do mercado.

"Os mercados de commodities da China deveriam ser abertos para investidores estrangeiros", disse ele, acrescentando que o país pretende começar a fazer isso com produtos como petróleo, minério de ferro e borracha.

(Por Ruby Lian e Brenda Goh)