Petroleira Saudi Aramco está aumentando fatia de mercado, diz CEO

quinta-feira, 26 de maio de 2016 15:58 BRT
 

KHOBAR, Arábia Saudita (Reuters) - A gigante de petróleo Saudi Aramco está ganhando participação de mercado e buscando uma maior eficiência, afirmou o presidente-executivo Amin Nasser em uma entrevista à Reuters, uma vez que atua como uma "ponte" para um futuro da Arábia Saudita que se baseia menos em exportações de energia.

Nasser também disse que o grupo estatal está lidando com os preparativos para a sua privatização parcial por meio de uma listagem na bolsa, que integra o plano "Visão 2030" de Riad, dirigido pelo vice-príncipe Mohammed bin Salman.

"Estamos preservando a nossa participação de mercado, que continua a aumentar ano a ano", disse ele na entrevista, realizada na quarta-feira.

"Este ano, como no ano passado, é cada vez maior. Nossa participação de mercado está crescendo", acrescentou, sem dar números.

Uma reunião da Opep em 2 de junho será a primeiro para o novo ministro da Energia da Arábia Saudita, Khalid al-Falih, o presidente do Conselho de Administração da Aramco, em momento em que as exportações iranianas subiram para perto do nível pré-sanções.

Delegados sauditas e iranianos na Opep discordaram no início do mês sobre a estratégia de longo prazo, com Riad dizendo Opep não deve gerir o mercado pela regulação da oferta --como tem feito em toda a sua história-- e Teerã argumentando que o grupo tinha sido criado para executar precisamente essa tarefa.

As atuais estratégias de Riad parecem estar funcionando. O preço do petróleo Brent se recuperou para mais 50 dólares o barril ante uma mínima de 12 anos de 27 dólares em janeiro, apesar do aumento da oferta iraniana.

(Por Reem Shamseddine)