Ibovespa fecha em baixa com Fed e cenário político motivando cautela

sexta-feira, 27 de maio de 2016 17:30 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou no vermelho nesta sexta-feira, acentuando perdas após declarações da chair do Federal Reserve, Janet Yellen, dando indicações de que o banco central norte-americano deve elevar as taxas de juros "nos próximos meses", e com cautela sobre o cenário político doméstico no radar.

O Ibovespa recuou 0,87 por cento, a 49.051 pontos, devolvendo ganhos ligeiros de mais cedo. Na semana, o índice perdeu 1,35 por cento, segunda baixa semanal seguida.

O giro financeiro do pregão foi de 4,35 bilhões de reais.

A bolsa brasileira chegou a ensaiar alta no início do pregão, ajustando-se a movimentos do mercado na véspera, quando ficou fechada por feriado. Mas não sustentou os ganhos e acentuou perdas após a fala da chair do Fed.

Yellen afirmou que se o crescimento dos Estados Unidos continuar a melhorar, assim como o mercado de trabalho, uma alta do juro nos próximos meses será apropriada.

Nesta sexta-feira, o Departamento do Comércio dos EUA informou, em segunda estimativa, que o Produto Interno Bruto (PIB) do país cresceu a ritmo anual de 0,8 por cento no primeiro trimestre, ante 0,5 por cento divulgado em abril.

A cautela nos negócios na Bovespa foi engrossada pela preocupação de investidores com o noticiário político, incluindo eventuais novas divulgações envolvendo políticos próximos ao presidente interino Michel Temer.

DESTAQUES   Continuação...