Militantes atacam importante oleoduto na Nigéria, dizem autoridades

sábado, 28 de maio de 2016 10:26 BRT
 

YENAGOA, Nigéria (Reuters) - Militantes atacaram o grande oleoduto de Nembe, localizado na região do Delta na Nigéria, informaram autoridades neste sábado, horas depois que os chamados "Vingadores" do Delta do Niger reivindicaram um ataque no local. 

A produção de petróleo da Nigéria caiu para uma mínima de 20 anos devido a ataques contra oleodutos nos pântanos do sul do país, que abriga grande parte de suas riquezas de petróleo e gás, prejudicando ainda mais a maior economia da África, que já sofre por conta dos baixos preços da commodity.

"Escutamos múltiplos ataques na noite anterior", disse Bello Bina, representante local do Estado de Bayelsa, confirmando que o oleoduto havia sido atingido.

A Shell, que exporta a variedade de petróleo Bonny Light transportada pelo duto, não estava imediatamente disponível para comentários. Mas Nengi James, uma representante do Comitê de Petróleo e Gás de Nembe, que atua em contato com empresas petrolíferas, também disse que o oleoduto estava sob ataque. 

Os "Vingadores", que têm direcionado seus ataques a instalações de petróleo e gás como parte do que dizem ser uma luta pela independência do Delta, afirmaram pelo Twitter ter atacado o oleoduto.

(Por Tife Owolabi, Anamesere Igboeroteonwu, Ulf Laessing e Libby George)