Câmara aprova reajustes salariais com impacto bilionário no Orçamento

quinta-feira, 2 de junho de 2016 09:39 BRT
 

(Reuters) - A Câmara dos Deputados aprovou 14 projetos de lei para reajustar os salários de diversas categorias do Executivo, do Legislativo e do Judiciário em uma sessão que entrou pela madrugada desta quinta-feira, uma medida que terá impacto bilionário no Orçamento.

Só a proposta que reajusta salários de servidores do Judiciário tem impacto orçamentário para 2016 de 1,160 bilhão de reais, de acordo com a Agência Câmara Notícias. Segundo levantamento do jornal O Globo, o impacto dos reajustes no Orçamento será de cerca de 64 bilhões de reais até 2019.

De acordo com o Ministério do Planejamento, os recursos necessários para os reajustes já haviam sido assegurados na Lei Orçamentária Anual de 2016, e não vai haver impacto adicional. O impacto no exercício será de 4,230 bilhões de reais, disse o ministério em nota.

Os reajustes salariais foram negociados desde 2015 com o governo da presidente afastada Dilma Rousseff, mas foram assumidos pela administração do presidente interino Michel Temer.

"Os funcionários públicos estavam sendo enrolados e, agora, terão os aumentos aprovados", disse o deputado Baleia Rossi (SP), líder do PMDB, partido de Temer, segundo a agência.

A maior parte dos projetos precisa passar ainda por votação no Senado.

Os reajustes foram aprovados na Câmara apesar de o governo ter revisto no mês passado a meta fiscal para este ano para um déficit de 170,5 bilhões de reais, que foi aprovada pelo Congresso Nacional.

(Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

 
Plenário da Câmara dos Deputados durante sessão do Congresso Nacional. 03/12/2014 REUTERS/Ueslei Marcelino