Secretário do Tesouro dos EUA diz que excesso de capacidade é "corrosivo" para expansão da China

domingo, 5 de junho de 2016 12:32 BRT
 

Por David Lawder

PEQUIM (Reuters) - O excesso de capacidade industrial da China terá um impacto "corrosivo" em seu crescimento e eficiência futuros a menos que seja reduzido, disse neste domingo o secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Jack Lew, acrescentando que isso também está causando distorções nos mercados globais.

Lew, falando a estudantes em Pequim, disse que espera fazer progressos sobre a questão de excesso de capacidade em reuniões bilaterais com autoridades chinesas a partir de segunda-feira na capital da China. Ele observou que discussões passadas aliviaram as tensões cambiais entre as duas maiores economias do mundo.

"O excesso de capacidade não é apenas um problema interno na China", disse Lew na Universidade de Tsinghua. "A questão do excesso de capacidade tem, literalmente, um enorme efeito sobre os mercados globais para coisas como aço e alumínio, e observamos distorções nos mercados globais devido ao excesso de capacidade."

"O excesso de capacidade é corrosivo para a eficiência de uma economia", disse Lew. "Significa que você tem má alocação de recursos, isso significa que, em última instância, a única maneira de limpar o mercado é vender coisas a um preço que está abaixo do que deveria no mercado global".